NÚCLEO TECNOLÓGICO MUNICIPAL

terça-feira, 9 de maio de 2017

Educação recebe primeira etapa do projeto de humanização


A secretaria de Educação, composta pelas pastas de Esporte e Cultura, conta com pouco mais de 1,7 mil servidores
Coordenadores da secretaria de Educação recebem a primeira etapa do projeto de humanização proposto pela prefeita Rosana Martinelli (PR) em sua plataforma de governo.
Na pauta, apenas uma recondução do que já vem sendo aplicado pelos servidores do setor pois, de acordo com a equipe que desenvolve o projeto Contato que é coordenado e executado diretamente pela Secretaria de Administração, a educação é um dos setores que mais valoriza o lado humano das pessoas. O contato com pessoas é direto e diário. Professores, por exemplo, precisam entender e interpretar a particularidade de cada aluno, assim como professores e monitores de creches que trabalham com crianças, ainda, pequenas, muitas vezes incapazes de se expressarem.
Uma das coordenadores da projeto, a coach Sandra Domingues, revela que um dos pontos positivos que coloca os servidores à frente, são as reuniões realizadas para discutir metas, mas também os almoços de confraternização realizados pelo setor.
coach revela, ainda, que essa primeira etapa implica na apresentação do projeto Contato, para os coordenadores, que é o caso específico da educação, onde são trabalhados os valores e as qualidades do servidor mostrando-lhes os caminhos para adquirir competências e, principalmente, no que tange aos relacionamentos interpessoais. Tudo isso através de técnicas de gestão.
"Quem tem que sentir a gestão da humanização são as pontas. É o servidor que tem contato com o contribuinte que precisa ser conduzido no processo", disse Domingues durante a apresentação do projeto aos coordenadores.
A secretaria de Educação, composta pelas pastas de Esporte e Cultura, conta com pouco mais de 1,7 mil servidores, dos quais, pelo menos, 948 são professores. Todos serão apresentados ao projeto Contato.

Publicado em: 03/05/2017 ás 09:18:00Fonte: Assessoria da Prefeitura

Cirandas pela Educação debate desafios e políticas educacionais nessa quinta (04)

Agentes da educação reúnem-se, esta noite, na Unemat Sinop. Publicado em: 04/05/2017 ás 11:38:00Fonte: Assessoria da Prefeitura

Profissionais da educação de Sinop discutem, nessa quinta-feira (04), a partir das 19h, no anfiteatro da Unemat Sinop, o “Direito humano à educação: quem são e onde estão estes sujeitos”. O tema norteia os debates da edição 2017 das Cirandas pela Educação, evento voltado à discussão acerca das políticas educacionais e os desafios da educação brasileira.

Conforme a organização do evento, o tema deste ano é voltado à compreensão do direito à educação, buscando estimular o entendimento que toda sociedade precisa se envolver e se articular para que todos os cidadãos, sujeitos de direitos, tenham acesso à educação de qualidade social. As Cirandas pela Educação representam a possibilidade de discussões direcionadas no sentido de promover o debate com toda a sociedade sobre a importância de garantir o direito à educação.

 O evento é organizado e realizado pela União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME - Conselho Municipal de Educação/Sinop), Universidade do Estado do Mato Grosso (UNEMAT - Projeto de Extensão Encontros de Educação: Discussão, Elaboração e Proposição de Políticas Educacionais nos Diversos Níveis de Ensino) e Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura de Sinop. Em 2014, 2015 e 2016, as Cirandas foram realizadas em 23 estados do Brasil. Neste ano, deverá ser realizada nos 26 estados brasileiros, mobilizando cerca de 20 mil pessoas em todo o território nacional.